segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Cuidado com a besta!


Os avisos foram muitos, alguns bloggers foram acusados de aldrabões, mensageiros da desgraça, divulgadores de teorias da conspiração! Não, ninguém quer desgraças, até porque não ganhamos nada com a divulgação de desgraças, apenas alertamos os mais distraídos, os que, com a euforia da vida difícil, não se apercebem que estão num beco sem saída, e alegremente labutam diariamente com a noção de que o trabalho os faz esquecer dos males do mundo, e de que nada está a acontecer, e é tudo treta fiada de quem não tem nada que fazer, teorias da conspiração! Sim, esperamos todos que seja, que apenas sejam teorias da conspiração, isso seria fácil de resolver, pois apenas todos nós passaríamos a ser simples aldrabões, e depressa passaríamos ao esquecimento, que bom, não temos nada a perder, apenas alertamos os que querem estar atentos, se servir de alguma coisa, melhor, caso contrário, limitemo-nos às consequências. Espero, sinceramente que eu e todos os blogueiros estejamos errados, porque isso não teria efeitos maléficos no mundo, mas se estivermos certos, será muito mau para todo o mundo. Vamos esperar que este, que é um dos principais líderes do mundo não esteja a levar a sério tudo o que está a planear fazer, porque se estiver decidido a ir em frente vai ser muito mau para o mundo, tudo estará perdido para aqueles que lutaram pela democracia e igualdade entre os povos, tudo estará perdido como um mundo privilegiado de vida abundante e de uma beleza extraordinária, a única que para já conhecemos, mas que eu não acredito que seja a única, no entanto, este mundo é o nosso, e só a nós pertence, mas temos que escolher melhor os nossos líderes, não deixemos que eles mandem em nós, mas sim que cuidem de nós, que nos orientem e não desorientem, que pensem, antes de cometer erros, que olhem para todos os humanos, e não só para alguns, ser humano é ser perfeito, e não uma máquina, muito menos uma besta. E não digo mais nada, porque estou a ficar farto disto, este mundo não me serve, e não vejo ninguém a lutar contra os monstros, que são uma minoria em relação a toda a humanidade. Estamos a dormir com medo de quê? Só porque eles têm dinheiro? Tirem-lhes o dinheiro e vão ver o que eles são, nada, simplesmente como nós somos, nada! ACORDEM!  
           

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Utopia! Sonho impossível?


Há 500 anos, um português explicava ao mundo “a melhor forma de governação” 

Fez agora, neste mês de dezembro de 2016, precisamente meio milénio que o português Rafael Hitlodeu explicava ao mundo aquela que lhe parecia ser “a melhor forma de governação”. Por Renato Soeiro.


Por favor, clique no link acima, e leia, perca o seu tempo com coisas interessantes.

Justiça social:

Distribuição da riqueza:

Os ricos:

Propriedade privada:

Horário de trabalho:

Manutenção de edifícios:

Imigrantes e viajantes:

Justiça:

Leis e advogados:

Tratados:

Liberdade religiosa:

A guerra:

Astrologia:

Saúde:

Cuidados paliativos e eutanásia:

Caça:

Divórcio:



sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

O consumismo que te consome


O Consumismo 

A sociedade capitalista manipula as pessoas e os seus padrões de vida, de beleza e até de consumo, não permitindo, a maioria das vezes, o indivíduo ser quem realmente é. Por Clara Moutinho Belbut, estudante do ensino secundário. 
 

Raramente se encontra alguém com uma ideia formada sobre os problemas da sociedade, principalmente sobre o consumismo, este texto, e este raciocínio desta estudante, é realmente esclarecedor, e de uma visão clara dos problemas que a humanidade vive, a sua decadência a todos os níveis, e um futuro pouco animador, eu até diria, péssimo. O consumo normal, para a nossa vida quotidiana é preciso, e já seria suficiente para a economia dos países sobreviver, desde que esta também não tivesse excessos. O consumismo é um exagero desnecessário, bom para as empresas e empresários ficarem exageradamente mais ricos, e os consumistas, cada vez mais pobres, ou na miséria. Conclusão: Ganham e perdem sempre os mesmos, mas quem perde mais com tudo isto, é o planeta, ecologicamente, o que nos está a afetar a todos, mesmo os mais ricos. Mas num mundo em que o dinheiro é mais importante que a vida! O que podemos esperar destas mentes brilhantes humanas? O fim, não é!